24h de Sangue: Cerca de 13 assassinatos foram registrados apenas no domingo na Região Metropolitana de Natal

por - 18/09/2017 08:11 - Atualizado em 18/09/2017 09:27

Neste domingo, 18 de setembro de 2017, várias mortes foram registradas na Região metropolitana de Natal, pelo Instituto Técnico e Científico de Polícia (ITEP), do Rio Grande do Norte, sendo que apenas os homicídios, totalizaram 13 registros, além de dois ainda não esclarecidos, onde um ocorreu no Bairro de Ponta Negra, na zona sul de Natal, caso ocorrido com uma mulher encontrada em um terreno baldio.

Em São José de Mipibú, as vítimas foram Lindenberg Barbosa de Souza, de 26 anos e Wellington Barbosa Carvalho, de 21 anos, que foram encontrados já sem vida dentro de uma residência na Rua lka Dantas, na comunidade Pau Brasil. Os dois eram irmão e tinham envolvimento com drogas.

Ainda em São José de Mipibu, um homem identificado como José da Silva Barbosa Júnior, de 36 anos foi morto na Rua Rio Amazonas, mas os populares não souberam informar como o crime aconteceu.

No bairro do Alecrim, um homem também foi morto com vários disparos de arma de fogo, sendo identificado posteriormente como sendo Ruan Daniel Oliveira, de 41 anos e o crime também permanece sem esclarecimentos.

Só os crimes por arma de fogo, foram 11, nas diversas áreas como Passagem de Areia, em Parnamirim, Felipe Camarão, Km 6, Bom Pastor em Natal, na cidade de Montanhas, entre outras cidades e locais da capital. Duas pessoas foram assassinadas a facadas, sendo que uma ainda foi espancada antes de morrer.

Os dados são do ITEP, que disponibilizou equipes para perícia e remoção dos cadáveres, para as sedes dos institutos em Natal e Mossoró, onde os corpos foram necropsiados. A lista dos homicídios deste domingo, ainda está disponível no site do instituto, que não contem todos os registros do domingo, tendo em vista que muitos casos ocorreram no final da noite no interior do estado, o que deve subir esse número ainda mais.

Ainda no site pelo menos cinco acidentes graves com vítimas fatais foram registrados, aumentando ainda mais o número de mortes violentas no estado. O 190rn aguarda agora o número total do final de semana, que deve entrar para a lista dos mais violentos de 2017.

COMENTÁRIOS