Novo secretário promete dar continuidade a gestão “exitosa” do sistema prisional do RN

por - 25/02/2019 11:40 - Atualizado em 25/02/2019 11:41

Os novos gestores da Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania (Sejuc), Pedro Florêncio e Major Alvarenga, se reuniram com diretores e coordenadores das unidades prisionais do Rio Grande do Norte nesta sexta-feira, 22.

Novo secretário, Florêncio agradeceu o empenho da gestão anterior na condução da administração penitenciária e assegurou que o trabalho dos ex-secretários Mauro Albuquerque e Arméli Brennand, considerado “exitoso” pelo novo titular, terá continuidade.

“O corpo dirigente de cada unidade é o maior responsável pelo funcionamento regular das unidades prisionais e para a manutenção da ordem e da paz social no Estado. Não abriremos mão disso”, declarou.

O ex-secretário adjunto Maiquel Mendes afirmou que “a equipe de diretores e coordenadores penitenciários do RN recebeu treinamento adequado e conduz de forma eficiente e comprometida o sistema prisional”.

Para Arméli Brennand, que deixa a pasta, “a categoria de agente penitenciário é fundamental para a garantia da tranquilidade e da paz social”. Ela afirmou que os direitos da categoria são “reconhecidos e respeitados” pela gestão da governadora Fátima Bezerra.

O Governo do Estado aguarda a aprovação de um projeto de lei na Assembleia Legislativa que vai mudar a estrutura administrativa. Segundo o projeto, a Sejuc será extinta, dando lugar a duas secretarias: de Administração Penitenciária (Seap), que terá o comando de Pedro Florêncio, e das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (SEMJIDH), que ficará sob a gestão de Arméli Brennand.

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS