CHACINA: Os seis jovens mortos em Extremoz podem ter relação com facções do RN

por - 23/09/2017 14:01

Uma possível disputa de facções pode ter sido a motivação apara umas das maiores chacinas do Rio Grande do Norte, ocorrida na noite desta sexta-feira, na comunidade de Santa Maria, na cidade de Extremoz, onde seis jovens que bebiam em frente a uma residência, quando cerca de 10 homens fortemente armados chegaram em três carros de modelos e placas não identificadas e renderam o grupo.

Os assassinos obrigaram que os seis deitassem no chão e dispararam várias vezes nas vítimas identificadas como sendo Fernando Gomes Teixeira, de 20 anos, Geovane da Silva, de 20 anos, Artur Antônio Alves do Nascimento, de 20 anos, Eribelton Avelino da Silva, de 23 anos, o adolescente Vinícius Manuel Câmara Tomás, de 16 anos e outro jovem ainda não identificado oficialmente. Após o crime os bandidos fugiram sem deixar rastros e estão sendo procurados.

Policiais Militares, Civis da DHPP e os peritos do Instituto Técnico e Científico de Polícia (ITEP) estiveram no local do crime para colher as informações preliminares, mas não conseguiram colher muitas informações no local. A Polícia Civil ainda irão investigar a participação das vítimas em uma das facções do RN e se outro grupo teria alguma motivação para o crime.

Antes de serem rendidos os jovem registraram uma, que seria a ultima foto do grupo.

COMENTÁRIOS