Dupla é presa pela morte de jovem jogado em rio

IMG-20150220-WA0027
“Raposo” foi preso durante a ação conjunta das Policias. (Foto: Cedida/Polícia Civil)

Uma ação conjunta da Polícia Civil de Assú junto da Polícia Militar (PM) elucidou o homicídio de Sérgio Ricardo Dantas Paes. O crime aconteceu nesta quinta-feira (19) e foram presos em flagrante Jefferson Marcelino Pereira da Cunha, vulgo “Demônio”, 19 anos, e Jefferson Clayton Fernandes, vulgo “Raposo”, 22 anos.

O homicídio tem relação com o tráfico, tendo a vítima sido morta a

"Demônio" estava de posse de um revolver calibre .38 usado no crime. (Foto: Cedida/Polícia Civil)
“Demônio” estava de posse de um revolver calibre .38 usado no crime. (Foto: Cedida/Polícia Civil)

tiros e cutiladas enquanto bebia e usava drogas com os assassinos que já haviam premeditado o homicídio. Após o crime, o corpo da vítima foi ainda arrastado e jogado no Rio Piranhas, com a intenção de ocultá-lo.

Com “Demônio” foi encontrado um revólver calibre .38, possivelmente utilizado no crime, um tablete de maconha e munições intactas e deflagradas. Jefferson Marcelino Pereira da Cunha e Jefferson Clayton Fernandes responderão pelos crimes de Homicídio Qualificado, Ocultação de Cadáver, Tráfico de Drogas e Posse Ilegal de Arma de Fogo. A conversão da prisão em flagrante em prisão.