“Operação TIM” deflagrada pelo CDP de Jucurutu apreende, no interior das celas, celulares e outros objetos ilícitos

No início da manhã deste sábado, 14, agentes penitenciários do Centro de Detenção provisória de Jucurutu abriram as celas do CDP para uma revista minuciosa e apreenderam diversos materiais ilícitos na unidade.
Seis celulares, carregadores para celular, uma marica (objeto utilizado para fumar crack), dinheiro e facas artesanais. Os objetos estavam muito bem escondidos em fundos falsos de baldes, garrafas d’água, e sem a experiência dos profissionais que atuaram na ação, dificilmente teriam sido encontrados.
Reginaldo Gomes, diretor da unidade, informou que a ação foi necessária e inadiável, isso porque havia suspeitas de que muitos celulares, com chips da TIM, estariam circulando nas duas celas existentes na Unidade. Ainda segundo ele o que comprovou essa informação foi a divulgação de fotos de um preso, de dentro da cela, nas redes sociais. Por esse motivo a ação foi batizada de “Operação TIM”.

 

PM Jucurutu